Associação Brasileira dos Terminais Retroportuários
e das Empresas Transportadoras de Contêineres

  • Sobre a ABTTC
  • Nossos associados
  • Associe-se
  • Contate-nos
  • Convênios
  • Área do associado
    Webmail

    Notcias do Setor

    ABTTC doar estudos para a construo de um viaduto de sada do Distrito da Alemoa
    20/04/2021 - Assessoria de Imprensa


    No último dia 20 de abril a Diretoria da ABTTC, representada por seu Presidente Sr. João Ataliba de Arruda Botelho Neto e pelos Diretores Rogério Oliveira e Wagner Rodrigo Cruz de Souza, foi recebida pelo Prefeito de Santos, Sr. Rogério Santos, para apresentar as iniciativas da entidade para a melhoria do fluxo viário do Distrito Industrial e Portuária da Alemoa. Também participaram do encontro os Secretários de Assuntos Portuários, Indústria e Comércio, Sr. Júlio Eduardo dos Santos e de Serviços Públicos, Sr. Wagner Ramos.
     
    João Ataliba destacou as dificuldades vivenciadas diariamente pelas empresas que atuam no Distrito Industrial e Portuário da Alemoa, que vão desde a problemas viários a problemas de segurança pública, o que não condiz com a importância destas empresas para a Balança Comercial Brasileira.
     
    Na ocasião, o Presidente da ABTTC apresentou a proposta de construção de um viaduto de saída ao fundo do Distrito da Alemoa interligando a Rua Albert Schweitzer à Av. Bandeirantes, que dará acesso à Via Anchieta. Informou ainda que a entidade já manteve contato com a ARTESP que apoiou o pleito e na ocasião solicitou que seja protocolado, pelo município de Santos, um estudo de tráfego e um projeto funcional para análise de impacto e viabilidade pelo órgão. A ABTTC, com o apoio de empresas que atuam na região, contratou os estudos necessários e os doará à municipalidade para que seja feito o protocolo e, após aprovação, atuará de forma conjunta com o município para buscar recursos para a viabilização desta importante obra.
     
    O Prefeito Rogério Santos parabenizou a iniciativa da ABTTC e das empresas que apoiaram o projeto e comprometeu-se a protocolar os estudos que serão doados pela ABTTC na ARTESP, assim como iniciar tratativas com o órgão regulador para a aprovação desta obra viária, destacou ainda a importância de se debater a transformação do Distrito da Alemoa em um condomínio logístico, garantindo assim um melhor ambiente de negócios para as empresas que atuam na região. 
     
    Comentar
    Indique