Associação Brasileira dos Terminais Retroportuários
e das Empresas Transportadoras de Contêineres

  • Sobre a ABTTC
  • Nossos associados
  • Associe-se
  • Contate-nos
  • Convênios
  • Área do associado
    Webmail

    Notcias do Setor

    ABTTC visita Brasil Terminal Porturio
    17/09/2019 - Assessoria de Imprensa


    Na tarde do dia 16 de setembro o presidente da ABTTC João Ataliba de Arruda Botelho Neto foi recebido pelos Diretores da Brasil Terminal Portuário Márcio Guiot e Cláudio Oliveira. Também acompanharam a visita o associado Renato Reis da empresa Hipercon e o Diretor Executivo da ABTTC Wagner Rodrigo Cruz de Souza.
     
    João Ataliba destacou que um dos objetivos da entidade é ter uma maior aproximação com todos os envolvidos na cadeia logística portuária e sempre que possível a ABTTC contribuirá com sugestões que possam aprimorar o setor. 
     
    Na oportunidade a ABTTC protocolou um ofício elencando as sugestões apresentadas por nossos associados na Pesquisa de Satisfação realizada no último mês de junho, tais como permitir alteração de dados do agendamento dentro do horário da janela, permitir o cadastramento de nota fiscal e do contêiner na mesma tela e extensão do atendimento da Central de Relacional com os Clientes após as 19 horas, dentre outras. 
     
    O Diretor de Operações da BTP Márcio Guiot apresentou dados quanto a taxa de ocupação das janelas disponibilizadas pelo terminal portuário, evidenciando uma significativa disponibilidade de janelas, inclusive no horário comercial, e sobretudo para empresas que desejam operar no período noturno e aos finais de semana.
     
    Cláudio Oliveira, Diretor Comercial e de Marketing da BTP, enfatizou a importância das empresas anteciparem as suas entregas, evitando assim os dias de pico – próximos ao dead-line dos navios – e, ressaltou que não há qualquer penalidade aos exportadores na ocorrência de atraso dos navios, conforme Regulamentação da ANTAQ.
     
    Guiot enfatizou que o bom relacionamento com os clientes é prioridade para a Brasil Terminal Portuário, que mantém uma relação pró ativa com os demais players do setor, independente do porte e movimentação destas empresas, ouvindo e aprimorando sugestões de aperfeiçoamento nos seus procedimentos operacionais, entretanto não há como aceitar concessões ou privilégios para algumas empresas, haja vista que além de causar sérios transtornos às operações do terminal também contraria as regulações do setor e as normas de compliance.
     
    Os Diretores da BTP parabenizaram a iniciativa da ABTTC em realizar esta pesquisa junto aos seus associados, oferecendo aos terminais portuários a possiblidade de melhoria constante e maior integração com os Terminais REDEX. Também destacaram que assuntos que fujam do relacionamento comercial tradicional ou que atinjam a imagem da empresa e de seus executivos serão tratados pelo Setor Jurídico - Compliance da empresa.
     
    Comentar
    Indique