Associação Brasileira dos Terminais Retroportuários
e das Empresas Transportadoras de Contêineres

  • Sobre a ABTTC
  • Nossos associados
  • Associe-se
  • Contate-nos
  • Convênios
  • Área do associado
    Webmail

    Notícias do Setor

    ABTTC participa da reunião da PGI da ARTESP
    10/06/2019 - Assessoria de Imprensa


    A ABTTC, representada por seu Presidente João Ataliba de Arruda Botelho Neto, seu Vice-Presidente Luiz Sérgio Moura Albino e por seu Diretor Executivo Wagner Rodrigo Cruz de Souza, participou da reunião mensal do Plano de Gestão Integrada (PGI) da ARTESP, realizada em 06 de junho, no CIESP Cubatão.
     
    Na oportunidade, Luiz Sérgio Moura Albino, que também é Diretor da empresa Lechman Terminais, fez uma apresentação da estrutura da empresa, estabelecida na cidade de Guarujá, atuando na prestação de serviços de armazenagem e reparo de contêineres vazios. A empresa possui 88.500 m2, e instalações com 80 vagas para o estacionamento de veículos, estrutura esta planejada para não causar gargalos da rodovia, porém, ocasionalmente, filas tem ocorrido em decorrência de outros terminais estabelecidos na proximidade utilizarem inadequadamente o viário como área de estacionamento. 
     
    João Ataliba aproveitou a oportunidade para reiterar os pedidos de providências formalizados à ARTESP no final de maio, especialmente quanto ao empreendimento recém inaugurado na Av. Engenheiro Plínio de Queiroz na confluência com o acesso à Rodovia Cônego Domênico Rangoni (braço ramal USIMINAS), que, na visão dos associados da ABTTC, o acesso foi construído sem a observância das normais legais vigentes, com a inexistência de qualquer faixa de recuo para desaceleração dos veículos pesados e angulação inadequada, tornando o local propenso a acidentes e tombamentos, além dos já conhecidos “rabos de fila”.
     
    A ABTTC também cobrou providencias da ARTESP quanto a manutenção do viário local sob o Viaduto COSIPÃO, de responsabilidade do DER/ECOVIAS, cujo pavimento apresenta condição bem degradada, agravada pela ocupação por comércio irregular.
     
    Comentar
    Indique